Caracterização

Distando dez quilómetros da sede de concelho, a freguesia de Sanguinheira foi criada em 3 de Julho de 1986. É constituída por dezanove e povoações e ocupa uma área de 36,5 km, na qual vivem 2500 pessoas. Destas povoações, varias delas - Corgo do Encheiro. Escoural Fervença e Pedras Ásperas – foram outrora mais influentes do que Sanguinheira.
As suas terras aráveis constituem a principal riqueza da freguesia, em virtude da excelente capacidade para a produção de milho, batata, feijão e produtos hortícolas, o que motivou, também a criação de gado e produção de leite em larga escala.
 
O seu termo entesta com o das vizinhas e congéneres Tocha (a poente), S. Caetano e Cadima (a norte e nascente), surgindo delimitado, do flanco meridional, pelas terras do foro municipal de Montemor-o-Velho. Serão, na sua totalidade, cerca de 36,5 quilómetros quadrados de superfície, onde se distribui um povoamento algo disperso, a incluir nada menos que dezanove diferentes povoados, onde residirão actualmente cerca de duas mil e quinhentas almas.
 
Tipicamente gandaresa, esta freguesia apresenta uma topografia bastante plana, predominando os solos arenosos.
 
Lugares da Freguesia: Sanguinheira, Carreiros, Casal dos Netos,  Corgo do Encheiro, Escoural (parcialmente),  Feitoso, Fervença, Freches, Gesteira, Grou, Lagoa Negra, Lagoa Alta, Lombo Folar, Moita, Palhagueira, Pedras Ásperas, Rechacos, Taipinas, Tavaredes.